15203111_10209945945638177_1076893128553307069_n

Cinegrafista é morto a tiros ao reagir a assalto em Macapá, diz polícia

Um homem de 38 anos foi morto com um tiro no peito, durante um assalto na manhã deste sábado (3), no bairro Trem, Zona Sul de Macapá. Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima Willian Camilo Monteiro, que trabalhava como cinegrafista, teria reagido ao ser abordado por um suspeito que estava de carro.

Segundo a PM, o caso aconteceu por volta das 5h quando a Willian estava chegando na residência onde morava, na Avenida Primeiro de Maio. Um carro na cor vermelha teria seguido a vítima e parado próximo do cinegrafista, iniciando a abordagem.

Segundo testemunhas, a vítima teria iniciado uma luta com o suspeito, que estava armado e efetuou dois disparos, atingindo a perna e o peito.

Os familiares de Willian informaram que ele tinha saído de casa na noite anterior e teria consumido bebidas alcoólicas. A irmã dele, Simone Camilo, de 33 anos, disse que escutou os tiros de dentro da casa.

“Ele estava alcoolizado e já ia entrar em casa. Eu apenas ouvi os disparos, e vi que os vizinhos gritaram, dizendo que era o meu irmão. Corri para a frente de casa e o encontrei ferido. Mas ele não resistiu e morreu ali mesmo”, disse a rimã, emocionada.

Ela completa que o suspeito teria fugido do local, levando o celular da vítima e uma quantia em dinheiro, cujo valor não foi informado. Willian foi socorrido por vizinhos que ouviram os disparos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O cinegrafista morava com o filho de 12 anos.

cinegrafista, homicídio, tentativa, assalto, macapá, amapá (Foto: Jéssica Alves/G1)Homicídio ocorreu em frente à casa de cinegrafista, na Zona Sul de Macapá (Foto: Jéssica Alves/G1)
Fonte:G1
Sem Comentários

Deixe uma Resposta

*

*